Catálogo de Plantas das Unidades de Conservação do Brasil

Sobre a Unidade de Conservação

O Parque Estadual de Porto Ferreira (PEPF), também conhecido localmente como “Mata do Procópio”, está localizado no município de Porto Ferreira, nordeste do Estado de São Paulo (21°51’S; 47°25’O). Essa unidade de conservação foi criada em 1962, inicialmente categorizada como Reserva Estadual. Em 1987, recebeu o status de Parque Estadual. O PEPF ocupa uma área de cerca de 611 hectares, e é delimitado ao sul pelo rio Mogi Guaçu e ao norte pela rodovia SP-215. Situa-se entre 530 e 605 metros de altitude, na região geomorfológica da Depressão Periférica paulista, pertencendo à bacia do Paraná. O clima regional é o Cwa (subtropical de inverno seco), com temperaturas e pluviosidades médias anuais de 22ºC e 1470mm, respectivamente, com estiagem nos meses de abril a setembro. O PEPF representa uma das poucas unidades de conservação do Estado que preservam o contato entre o Cerrado e a Mata Atlântica, tornando-se uma importante área por abrigar um conjunto de espécies de ambos os domínios em uma área relativamente pequena. As principais fitofisionomias encontradas no PEPF são a floresta estacional semidecidual (predominantemente ocorrendo na face Sul do parque) e o cerradão (savana florestada, principalmente ocorrendo na face norte do parque). Ao longo do rio Mogi Guaçu é encontrada a floresta estacional aluvial onde, em alguns pontos, ocorrem inundações periódicas, apresentando formações de várzeas. Essa grande diversidade de hábitats permite uma alta riqueza florística. As coletas botânicas realizadas no PEPF estão depositadas em grande parte nos herbários HRCB, SPSF e UEC. Ademais, o PEPF já foi alvo de diversos estudos florísticos e vegetacionais, tornando-se uma das áreas mais estudadas do interior paulista.